Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Notícia
Núcleo Comum da Bahiana realiza ação no Hemoba
A iniciativa “Ser Bahiana é ter saúde na veia” arrecadou 115 bolsas de sangue.
Como uma instituição de ensino vocacionada para a saúde, é importante que todos os calouros ingressos na Bahiana possam ser estimulados a praticar o altruísmo e a empatia. Partindo desse princípio, a IX edição do projeto “Ser Bahiana é ter saúde na veia” foi realizada no dia 7 de março, das 7h30 às 12h, na Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Estado da Bahia (Hemoba). A ação foi promovida pelo Núcleo Comum, com o apoio da professora Luciana Oliveira e do professor Rinaldo Barros, além do auxílio de docentes de todos os cursos da Bahiana.
 
   

Na ação, foram reunidos aproximadamente 400 alunos do primeiro semestre dos cursos de saúde da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública. Os estudantes participaram de atividades lúdicas para o entendimento do sistema circulatório, tipagem sanguínea, prevenção de acidentes e primeiros socorros, conforme explica o professor Rinaldo Barros. O objetivo foi arrecadar o maior número possível de bolsas de sangue, assim como aumentar os cadastros para doadores de medula óssea. Durante a ação, foram arrecadadas 115 bolsas de sangue.
 
    

O estudante João Lucas Cabral Campos, integrante do grupo de Monitoria Medicina em Biomorfofuncional – Fundamentos Macroscópicos (Biomorfomacro), destaca que as monitorias envolvidas realizam a atividade semestralmente, a fim de sensibilizar os estudantes da área da saúde quanto à necessidade de preencher os estoques de bolsas de sangue, que, muitas vezes, estão baixos: “É um momento de aprendizagem e humanização dos estudantes, que se deparam com um panorama social preocupante. Por isso, é importante a conscientização e o estímulo ao ato de doar sangue”.
 
Além da monitoria de Biomorfomacro, participaram do projeto as monitorias de Biomorfofuncional Fundamentos Microscópicos Histologia, Fundamentos Microscópicos BMC/Fisiologia e de Primeiros Socorros do curso de Medicina, bem como os monitores de Biomedicina, Educação Física, Fisioterapia, Enfermagem e da Liga do Trauma (LT).
 


Confira a galeria de fotos.