Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Notícia
Inteligência artificial em Medicina é tema de palestra do NEAD
A palestra on-line será aberta ao público.
"Inteligência artificial em Medicina: progressos recentes, oportunidades de pesquisa e aplicação" – este será o tema da próxima edição do Ciclo de Palestras do Núcleo de Ensino à Distância da Bahiana (NEAD), que acontece no dia 18 de março, às 20h, e terá como palestrante o professor Renato Sabbatini. A palestra é aberta ao público, e os interessados devem realizar suas inscrições pelo link: https://forms.gle/4CGJVCPrVRvfW7M77

Palestra
A apresentação do professor Renato Sabbatini irá trazer aos participantes da palestra uma mostra dos avanços contemporâneos no que tange a inteligência artificial na medicina e em outras ciências da saúde. Segundo o palestrante, "estamos vivendo um novo período de entusiasmo e crescimento, principalmente por conta do novo ecossistema das startups que têm facilidade de encontrar investidores".

Entre os tópicos a serem abordados na palestra estão “Aprendizado de Máquina” e “Aprendizado Profundo”. O professor explica que a pesquisa nessa área oferece muitas oportunidades de desenvolvimento, bem como de aplicação. Para dar certo, no entanto, alguns fatores são fundamentais, como equipes multidisciplinares de desenvolvimento, com forte envolvimento dos que dominam a área de conhecimento (médicos, por exemplo), perfeita harmonização com outras aplicações, como o PEP (Prontuário Eletrônico do Paciente), e modelos realistas de monetização dos produtos.

Palestrante
Renato Marcos Endrizzi Sabbatini é graduado em Ciências Biomédicas (1968) e doutor em Fisiologia e Biofísica (1977), pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (USP). Tem pós-doutorado, pelo Instituto Max-Planck de Psiquiatria, Munique, Alemanha (1977-1979), e é professor-assistente e doutor do Departamento de Fisiologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (1972-1983), onde iniciou a sua linha de pesquisa e desenvolvimento em Informática Biomédica, em 1972, no serviço de computação em fisiologia. Além disso, é professor associado da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (1983-2003), onde foi também docente e pesquisador associado da Faculdade de Engenharia Elétrica e da Computação (Departamento de Engenharia Biomédica). É fundador e diretor do Núcleo de Informática Biomédica da UNICAMP e coordenador da Área de Informática Médica e Bioestatística da FCM/UNICAMP (1983-2003). É fundador (1986) e ex-presidente da Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (1988-1990), da qual foi também diretor de Educação e Capacitação Profissional, e, atualmente, é diretor do Programa de Orientação de Talentos Profissionais em Informática em Saúde. Ex-diretor de informática da Associação Médica Brasileira, Renato Sabbatini é fundador e presidente do Instituto Edumed para Educação em Medicina e Saúde e coordenador do Centro Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação em Saúde (de 2000 até hoje). É também fundador (2009), vice-presidente e diretor de Educação e Capacitação Profissional do Instituto HL7 Brasil, vice-presidente, além de membro e fundador da Associação IHE Brasil – Integrating the Health Enterprise (2014-2018). É sócio-fundador founding fellow da International Academy of Health Sciences Informatics desde 2017. Atualmente, é professor adjunto de Informática em Saúde da Escola Bahiana de Medicina, do Instituto Brasileiro de Ciências Médicas e de várias outras instituições. Além disso, desenvolve projetos em telessaúde, desde 1985, e em EAD em saúde, desde 1999.