Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Notícia
Egressa de Psicologia apresentará trabalho no VIII Congresso Latino-americano de Psicologia Junguiana
Pesquisa sobre alienação parental foi trabalho de conclusão de curso da ex-aluna Mônica Aguiar.
"Alienação parental: um olhar da Psicologia Simbólica Junguiana" é o título da monografia de conclusão de curso da recém-formada em Psicologia pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, Mônica Aguiar, que foi selecionado para ser apresentado no VIII Congresso Latino-americano de Psicologia Junguiana, que acontecerá em julho, na cidade de Bogotá, Colômbia.

"Estudar o fenômeno da alienação parental demanda um olhar ampliado para entender como se deu a construção da síndrome e as críticas feitas ao seu criador, Richard Gardner. Perceber, nessa ampliação, a polarização das ideias, seja na sustentação da inafastabilidade da existência de atos deliberados de um dos genitores para desenvolver na criança uma aversão ao outro, seja, por outro lado, contestando a indispensabilidade dessa programação, nos permite conhecer a dinâmica integral da formação da personalidade a partir dos complexos parentais primários", explica a autora.

Segundo Mônica Aguiar, essa compreensão é buscada na Psicologia Simbólica Junguiana, especificamente na Teoria do Quatérnio Primário, de Carlos Byington: "para quem é crucial nos damos conta de que as reações da criança também contribuem para formar sua identidade junto com as características dos complexos parentais".