Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Notícia
BAHIANA REALIZA "TROTE" ECOLÓGICO
#

Uma manhã ensolarada serviu de cenário para a primeira programação da Semana dos Calouros – Os Novos da Bahiana. Os novos estudantes da Escola participaram, na última sexta-feira (06) pela manhã, no Unidade Acadêmica do Cabula, de um grande encontro do qual participaram o vice-diretor da Bahiana, Prof. Ênio Ribeiro Maynard Barreto, a coordenadora de Desenvolvimento de Pessoas, Luiza Ribeiro, a coordenadora do NAPP, Maria Angélica Godinho Mendes de Abreu, além de coordenadores dos cursos de graduação e colaboradores da Escola. Esta semana, cada curso vai contar com uma programação específica. Confira a sua aqui no site.

Mais uma vez a Bahiana inovou e realizou um vestibular diferente para os cursos de Biomedicina, Enfermagem, Fisioterapia, Odontologia, Psicologia e Terapia Ocupacional. Trata-se do Processo Seletivo Formativo, no qual os candidatos passam por dois tipos de avaliação. No primeiro dia, são realizadas atividades práticas feitas individualmente e em grupo, simulando situações do cotidiano das profissões. Este momento tem a intenção de provocar no candidato uma auto avaliação, fazendo com que ele verifique sua vocação e disposição para a profissão escolhida. Não é cobrada nem nota nem conceito. No segundo dia, é realizada uma prova de múltipla escolha na qual são avaliados conhecimentos gerais de forma integrada.

Para o vice-diretor, Dr. Ênio Ribeiro Maynard Barreto, as mudanças e inovações são uma constante na Bahiana. "Os alunos vão ver que a Escola vem mudando e inovando dia-a-dia. A exemplo disto, temos o novo processo seletivo. Mas muito mais vem por aí. Esperamos que todos tenham bastante sucesso e vamos trabalhar muito para isto".

Com muita descontração, Os Novos da Bahiana puderam apreciar a apresentação de dança FLOS – ‘O mais belo que existe nas flores’, com a bailarina Juliana Rocha. A ocasião permitiu, ainda, aos novos estudantes, um primeiro contato com as ligas acadêmicas, então representadas pela Liga de Infectologia Aplicada da Bahia – LAIA.

Mas o momento mais esperado ficou guardado para o final com a atividade "Cultivando flores e sonhos" quando os alunos pintaram caqueiros e realizaram o plantio de mudas de flores que serão levadas aos Campi de cada aluno. Lá, durante toda a vida acadêmica, os estudantes poderão acompanhar o crescimento e desenvolvimento de sua planta.

 Expectativas

"Antes eu queria fazer Medicina. Mas este ano ouvi meus pais, conversei com alguns parentes e optei por fazer Enfermagem. Outra coisa que me dá a certeza de que estou no caminho certo foi o momento vivencial do vestibular. Aquilo mexeu muito, teve tudo a ver comigo". A experiência é da estudante de 18 anos, Geisa Silva Souza, Nova Bahiana do curso de Enfermagem que já fazia amizade com Juliana Bastos, também caloura de Odontologia.

Para Juliana, a escolha pela Bahiana se deu pela tradição de boa estrutura e corpo docente. "Escolhi a Bahiana porque tem boa estrutura, bons laboratórios e bons professores. Também pois conversei com pessoas que já fazem o curso e todas me falaram bem, que gostam muito".

Em sua apresentação, a coordenadora de Desenvolvimento de Pessoas, Luiza Ribeiro ressaltou a aplicação do novo formato do vestibular. "A Bahiana está muito grata aos novos estudantes por terem apostado, junto conosco, no novo processo seletivo que adotamos já este ano".