Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Notícia
III Health Tech promove inovação, ciência e tecnologia na Bahia
Talk show contou com conferências, debate e lançamento do 2º Prêmio Inova+Saúde.
Dia da Consciência Negra, Dia do Biomédico e dia de promover inovação e tecnologia em saúde. Assim foi o 20 de novembro de 2019 na Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, que realizou o III Health Tech, talk show que tem por objetivo o desenvolvimento de produtos, serviços, processos e tecnologias inovadoras, estimulando novos talentos com potencial inovador na área da saúde e qualidade de vida.

A solenidade de abertura contou com as presenças do pró-reitor de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação Stricto Sensu, Dr. Atson Fernandes, do gestor do Santander Universidades, Fábio Sampaio, da professora Dra. Bruna Machado, representando o Dr. Leone Andrade, Diretor de Tecnologia e Inovação do Senai/Cimatec, do Dr. Paulo José Bastos Barbosa, coordenador do Centro de Odontologia da Uneb, na ocasião representando o reitor da instituição, do Dr. Mário Rocha, representando o Hospital Português, da Dra. Angiolina Kraychete, Diretora Médica da Clínica de Terapia da Dor e do Dr. Luiz Eduardo Fonteles Ritt, representando o Hospital Cárdio Pulmonar.
 
     

“Essa é a nossa terceira edição do Health Tech e, à medida que realizamos o evento, a comunidade científica se mostra cada vez mais presente, o que comprova a importância dessa discussão no meio acadêmico”, declarou o prof. Dr. Atson Fernandes. Ele também ressalta que é na academia que se encontra uma importante parcela da massa crítica da sociedade e que a missão da universidade é gerar conhecimento: “Em algum momento lá atrás, nos desvirtuamos um pouco da nossa missão e nos focamos na construção de um conhecimento textual, cujo objetivo principal eram metas que precisávamos alcançar para melhor avaliação dos nossos programas. Felizmente, temos mudado um pouco a história no nosso país e, cada vez mais, se discute o papel da universidade na construção de conhecimento que verdadeiramente gere impacto para a sociedade”.

O encontro reuniu estudantes de iniciação científica, acadêmicos de graduação e pós-graduação, pesquisadores, professores e profissionais parceiros. Na ocasião, também foram entregues as premiações de trabalhos da XIX Mostra Científica e Cultural da Bahiana que aconteceu nos dias 8 e 9 de outubro.

Programação
O Health Tech recebeu como palestrantes o pesquisador Alex Correia, da Startup Mosquito Zero, que apresentou a plataforma que permite a integração da sociedade com a gestão pública na identificação de locais de foco do mosquito Aedes aegypti, servindo de base para o controle e monitoramento aplicável a indicadores relevantes capazes de auxiliar na prevenção de surtos e epidemias, assim como a otimização e melhor alocação de recursos públicos para ações estratégicas de prevenção.
 
A segunda fala foi de Isamar Maia, que contou a trajetória de desenvolvimento do SAMU+, plataforma que integra todas as informações das ocorrências que são registradas em um único protocolo gerando um prontuário do paciente, integrando as ambulâncias por meio de tablets e computadores, tornando o serviço mais rápido e eficiente.
 
     

O ponto alto do talk show foi a conferência “Construindo um PITCH infalível”, com o consultor Aluir Dias. Em sua fala, o palestrante trouxe algumas técnicas de como o empreendedor de inovação e tecnologia da saúde pode apresentar melhor seus projetos e ideias para investidores e empresas interessadas em adquirir novas soluções.

Inova+Saúde

A ocasião também marcou o lançamento do edital do 2º Prêmio Inova + Saúde, que tem como propósito disseminar a cultura de empreendedorismo e inovação na Bahia, estimulando o desenvolvimento de novos talentos com potencial inovador na área da saúde. O Prêmio é uma iniciativa da Bahiana,  que conta com patrocínio do Santander e parceria da UNEB, o Senai/Cimatec, o Hospital Português, a Clínica de Tratamento da Dor e o Hospital Cárdio Pulmonar.  A premiação será anunciada no 2º Encontro Nacional de Empreendedorismo e Inovação em Saúde – ENEIS, que acontecerá de 19 a 21 de março, no Campus Cabula da Bahiana. Confira o edital em: https://www.eneis.net/premio-inova-saude.

Regras
De forma inovadora o 2º Prêmio Inova+Saúde irá apresentar três desafios (propostos pelo Hospital Português, Hospital Cárdio Pulmonar e Clínica de Terapia da Dor) para que a comunidade científica e acadêmica da BAHIANA, em colaboração com outras instituições de ensino e pesquisa (SENAI CIMATEC, UNEB e outras), proponham soluções inovadoras que serão avaliadas e julgadas quanto ao potencial inovador e de diferenciação em relação ao que já existe no mercado.
 
Aos classificados em primeiro lugar, em cada categoria (desafio), serão concedidos:
- certificado de premiação;  
- prêmio, em dinheiro, oriundo do patrocínio do Santander Universidades;
- mentoria (por 1 ano, contado a partir da data da premiação) da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública na prospecção de parcerias e captação de recursos para o desenvolvimento da ideia  nos trâmites de registro de propriedade intelectual do produto desenvolvido junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial – INPI.

Ao segundo lugar, serão concedidas a certificação e a mentoria.
 
 


Confira a galeria de fotos.