Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Notícia
Estudantes de Medicina ganham Prêmio Professor Nelson Barros
Rebeca Ribeiro e Victoria Lobo foram premiadas por seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).
Um final de curso repleto de conquistas. Assim está sendo a jornada das estudantes de Medicina da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, Rebeca Ribeiro e Victoria Lobo, que ganharam, no dia 26 de março, o Prêmio Professor Nelson Barros, pelo seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). As alunas conquistaram o terceiro lugar na premiação, que é promovida pela Sociedade Baiana de Pediatria (Sobape).

O trabalho das graduandas de Medicina, “Disfunção Vesicointestinal entre mães e filhos: um estudo de base populacional”, foi orientado pelo prof. Ubirajara Barroso de Oliveira Júnior e fez parte das pesquisas realizadas pelo Centro de Distúrbios Miccionais da Infância (CEDIMI), cujo funcionamento se dá no Centro Médico Bahiana. Rebeca Ribeiro conta como foi a sensação de ganhar a premiação: “Foi uma experiência incrível, apesar de todas as dificuldades que podem aparecer durante o curso de uma pesquisa. Foi necessário muito trabalho e dedicação da minha parte e da de Vitória”, afirma.

Sobre a importância da pesquisa realizada, Rebeca Ribeiro compartilhou como a temática estudada impacta na sociedade: “Os Distúrbios Miccionais da Infância são muito desconhecidos na prática clínica, apesar de serem extremamente comuns. A maioria de nós não sabe o quanto eles podem afetar o desenvolvimento dessas crianças e adolescentes que sofrem do problema e a vergonha que eles sentem. Estudar, então, a associação familiar nos permite investigar possíveis causas para o aparecimento desses distúrbios; se existe uma carga genética ou se o meio em que a criança vive é o mais relevante para o surgimento dessas disfunções”, finaliza.