Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
Notícia
V Fórum dos Pesquisadores abre a XV MCC da Bahiana

Com mesa-redonda e premiação ao Pesquisador do Ano, evento celebrou a produção científica da instituição.

O V Fórum de Pesquisadores da Bahiana aconteceu no auditório do Centro de Convenções da Bahiana, na Unidade Acadêmica Cabula, na manhã desta quinta-feira, 01 de outubro e contou com a participação de docentes e discentes da graduação e pós-graduação, integrantes de grupos de pesquisa convidados, além da presença do Prof. Dr. Mauricio Barreto, professor titular da UFBA e pesquisador sênior da Fiocruz. A abertura contou com a presença da diretora da Bahiana, Prof.ª Dra. Maria Luisa Carvalho Soliani, da coordenadora de Pós-Graduação e Graduação, Prof.ª Maria de Lourdes Freitas, o coordenador de Pesquisa e Inovação da Bahiana, Prof. Dr. Diego Menezes e da coordenadora de Extensão, Prof.ª Carolina Pedroza.

Durante a programação, foi apresentada uma mesa-redonda com o tema “A pesquisa no âmbito da Pós-Graduação Strictu Senso da Bahiana – Cenário atual e perspectivas”, composta pelo Prof. Dr. Diego Menezes, Prof. Dr. Urbino Tunes, Prof.ª Dra Ana Marice Ladeia e Prof. Dr. Marcos Almeida.

Segundo o Prof. Dr. Diego Menezes, coordenador de Pesquisa e Inovação da Bahiana, o V Fórum de Pesquisadores da Bahiana foi um momento muito rico. “Iniciamos a programação ouvindo o Prof. Dr. Mauricio Barreto, um cientista de acentuado reconhecimento nacional e internacional e pesquisador 1A do CNPq, que discorreu sobre os parâmetros usados pela ciência para avaliação do conhecimento científico produzido por cientistas brasileiros”, explica.
 

     

“Pesquisadores se encontrarem é sempre bom, discutir sobre o que está fazendo, sofrer críticas, refletir juntos, coletivizar conhecimentos, partilhar e motivar jovens pesquisadores, alunos para a carreira de pesquisa é importante. Esse fórum é de grande importância para as universidades e faculdades. Foi um prazer, se pude contribuir um pouco para esse evento”, relata o Prof. Dr. Maurício Barreto.

Posteriormente, houve uma discussão sobre a pesquisa realizada pelos discentes e docentes dos cursos de mestrado e doutorado da instituição, momento em que os jovens iniciantes no mundo da ciência puderam tirar suas dúvidas sobre como ingressar em programas de pós-graduação stricto sensu.

O fórum é um momento de conhecimento de todas as vertentes da pesquisa científica. “Estou adorando e, como tenho grande interesse pela pesquisa, principalmente no meio da fisioterapia, que é uma área que está em expansão, é muito importante porque estou conhecendo outras formas de pesquisa e várias alternativas na área”, relata Clarissa Maria, 2° semestre do curso de Fisioterapia da Bahiana.

Para o aluno Rodrigo Brasil, do 1° semestre do curso Odontologia, o fórum foi muito enriquecedor e pôde esclarecer diversos âmbitos da pesquisa “Essas palestras foram muito enriquecedoras, trouxeram para a gente muitos conhecimentos a respeito das formas de pesquisa, independente do curso que cada um esteja cursando. A pesquisa é muito importante para desenvolver a ciência de qualquer área”, relata Rodrigo.

Por fim, finalizamos a manhã com a entrega do Prêmio Prof. Humberto Castro Lima, uma distinção que a Bahiana concede, anualmente, ao pesquisador mais produtivo, a partir da análise do currículo lattes considerando: a produção de artigos científicos, a orientação de alunos de graduação e pós-graduação, participação em eventos científicos nacionais e internacionais, entre outros aspectos.

"O prêmio foi criado na gestão da Prof.ª Dra. Kátia Sá, hoje coordenadora do Núcleo de Comunicação Científica (NUC), e recebeu merecidamente o nome do Prof. Dr. Humberto Castro Lima, renomado oftalmologista, também idealizador, fundador e diretor do Instituto Brasileiro de Oftalmologia e Prevenção da Cegueira (IBOPC), por tudo que foi e por tudo o que fez como médico, professor, cidadão e educador, sobretudo, para a Bahiana” declara o Dr. Diego Menezes.

No turno da tarde, foi realizada a XIII Jornada de PIBIC com a apresentação dos trabalhos de pesquisa desenvolvidos por bolsistas de 2014-2015.
 

Prêmio Professor Humberto Castro Lima


Durante a programação do V Fórum, foi premiado o pesquisador do ano 2014/2015. O ganhador do prêmio de pesquisador do ano de 2015 foi para o Prof. Luis Cláudio Correia, professor do curso de graduação em Medicina, bem como dos programas de Mestrado e Doutorado em Medicina e Saúde Humana (PPgMSH) e em Tecnologias em Saúde (PPgTecS).  Segundo dados apresentados pelos doutores Maria Luisa Soliani e Diego Menezes, durante o anúncio da premiação, o Prof. Luis Cláudio já publicou 78 artigos científicos, 6 orientações de iniciação científica e 16 de mestrado e doutorado, além de vários outros indicadores de produtividade científica.



Confira as fotos.